ANIMAVITA

Dor no Cóccix

Post by in Dor Crônica
Dor no cóccix - coccidínia Dor no cóccix - coccidínia AnimaVita Brasília

A dor no cóccix por ser extremamente desagradável pode frustrar os pacientes e diminuir significativamente a qualidade de vida. Entretanto o alívio é possível.

Equipe AnimaVita Brasília

 

 

 

Generalidades:

 

     A dor no cóccix por ser extremamente desagradável pode frustrar os pacientes e diminuir significativamente a qualidade de vida. Entretanto o alívio é possível.

    A dor Cóccix foi descrita pela primeira vez em 1588 e ainda hoje muitas pessoas sofrem com o problema.

 


coccix

 

 

O que é dor no cóccix?

 

    O cóccix é a porção terminal da coluna, inferiormente ao osso sacro, como mostra a figura acima.

    A dor geralmente piora quando o paciente se senta principalmente quando se inclina para trás como ligeiramente deitado na cadeira.

 

 

Posição que gera desconforto:

 

coccix_ruim

 

 

 

 

 

Posição que gera alívio:

 


coccix_bom

 

 

 

    Pacientes com dor no cóccix frequentemente relatam que a dor dificulta a realização das tarefas da vida diária e profissionais. A dor muitas vezes é relativamente grave e persistente, causando comprometimento significativo da capacidade do paciente para realizar ou suportar atividades diferentes.

 

 

Quais são as causas?

 

Cóccix Instável:

 

     A causa mais frequente de dor no cóccix – coccidínea - é um cóccix instável, que desloca mais do que o normal quando a pessoa muda de posição como por exemplo assentar-se. Ele pode se curvar para cima mais do que o normal, ou se deslocar, deslizando na direção posterior. Um cóccix instável, pode ser causado por trauma, quedas, parto, acidentes de carro, ou pode ser causado pela ação da relaxina, hormônio liberado durante a gravidez.

 



Espícula Óssea no Cóccix:

 

    A presença de espículas no cóccix ocorre em uma porcentagem população. Só são vistas em radiogramas de boa qualidade ou exames de imagem de melhor definição. Especula-se que seja causa de dor em 14% dos casos de dor no cóccix.

 



Desalinhamento do Cóccix:

 

    Cóccix desalinhado pode ser causa de dor se ele for voltado para um dos lados ao invés de ser mediano.

 

 

 

Rigidez do Cóccix:

 

     Cóccix rígido pode ser causa de dor, uma vez que ele flete discretamente quando o indivíduo se senta.

 

 

Trigger Points:

     Espasmos musculares Trigger-points – Pontos em gatilho.

     A disfunção miofascial é causa de espasmos com aparecimento de bandas tensas e pontos em gatilho em várias musculaturas que compõem o assoalho pélvico. A alteração de grupamentos que alinham a pelve podem causar alterações da dinâmica muscular e resultar em dor regional ou ativar pontos em gatilho especícicos como na síndrome do piriforme e do glúteo máximo.

    Geralmente os músculos acometidos são o anococcígeo, elevador do ânus e adutor máximo. Estes pontos em gatilho pode ser causa de tenesmo e dispaurenia.

 

 

Cisto Pilonidal:

 

     O cisto pilonidal, também referido como um abcesso pilonidal, fístula ou cisto pilonidal sacrococcígeo, é um cisto ou abcesso em região suprajacente ao cóccix que frequentemente contém os restos de pelos e pus, este último caso haja inflamação.

    Pilonidal significa "ninho de pelos", etimologia latina para pelo ("pilus") e ninho ("nidus").

   Também conhecido como doença do Jeep ou doença dos jeepeiros – jipeiros – pode ser facilmente confundida com a coccidínia verdadeira.

    Nos casos mais graves o tratamento é cirúrgico.

 

 

Como é feito o tratamento?

 

    Poucas equipes têm experiência no tratamento da dor no cóccix.

    O médico deve ter experiência em reabilitação musculoesquelética e o fisioterapeuta deve conhecer bastante acerca do tratamento fisioterápico das síndromes dolorosas pélvicas, frequentemente diagnósticos associados ou diferenciais.

    O tratamento cirúrgico deve ser o último a ser tentado uma vez que não são raros os casos de infecção local pós cirúrgica e lesão de reto. No caso da lesão retal a consequência pode ser grave inclusive com o desenvolvimento de incontinência fecal.

    Muitas vezes alguns pontos em gatilho locais são responsáveis pela dor e a inativação dos mesmos resulta em melhora significativa dos sintomas e grande alívio aos pacientes que muitas vezes estão tentando há vários anos o alívio dos sintomas.

    Autores de estudos relacionados a dor no cóccix recomendam, na maioria dos casos, o tratamento não cirúrgico da coccidínea com a utilização medicamentos, inativações e injeções como medidas mais importantes.

 

 

 

Referências Bibliográficas:

 

  • Burnstein M. Managing anorectal emergencies. Can Fam Physician. Aug 1993;39:1782-5. [Medline].

  • Caestecker J, Mann BD, Castellanos AE, Straus J. Pilonidal Disease. eMedicine from WebMD. Last updated Jan 22, 2009. [Full Text].

  • Hoffman NN, Hoffman GH, Firoozmand E, Capiendo LM. Pilonidal Disease: Subtle, Not So Subtle and Stubborn. Los Angeles Colon and Rectal Surgical Associates. Available at https://www.lacolon.com/documents/Pilonidal%20Disease.pdf.

  • Feigen GM, Gordon RB. Pilonidal disease simulating rectal abscess and fistula. AMA Arch Surg. Aug 1956;73(2):258-60. [Medline].

AnimaVita Brasilia

Usuário Geral de todos os profissionais da clínica AnimaVita Brasília.

Website: www.animavita.com.br

Clínica da dor

 
 
   
Você está aqui: Clínica da Dor Dor crônica Dor no Coccix